{"html":"\ufeff\n15 de Janeiro de 2016<\/span>\n

Fim de semana em Fortaleza\/CE com Leonardo e Eduardo Costa!<\/h2>\n \n
\n

     Já se vão quase 17 anos desde a morte do cantor Leandro, que ao lado do seu irmão Leonardo formava uma das duplas sertanejas de maior influência no Brasil. Seguindo a carreira musical, o cantor de voz chorosa e olhos verdes conseguiu se manter firme e forte no mercado do entretenimento, tendo o palco somente para si. Entretanto, desde novembro do ano passado, o músico não está mais sozinho nas suas apresentações.<\/span><\/p>\n

    Pela primeira vez desde que perdeu o irmão, Leonardo realiza shows em dupla ao lado do também sertanejo Eduardo Costa, no espetáculo intitulado \"Cabaré\".<\/span><\/p>\n

      Fortaleza está no circuito e recebe o cantor neste sábado (16\/01),<\/strong> no Siará Hall. Como era de se esperar, o repertório é composto por clássicos da \"sofrência\" que marcaram as décadas de 1980 e 1990 nas vozes de Waldick Soriano, Reginaldo Rossi, Amado Batista e Trio Parada Dura. <\/span><\/p>\n

    Entre as principais músicas estão \"Fio de Cabelo\", \"Borbulhas de Amor\", \"Blusa Vermelha\", \"Paredes Azuis\" e \"Garçom\", que, aliadas ao restante da concepção artística do projeto, levam o público ao delírio num verdadeiro cabaré de inspiração burlesca.<\/span><\/p>\n

     Em entrevista ao Zoeira, Leonardo afirma que não foi fácil conseguir montar o show com a intensa agenda dele e de Eduardo Costa.<\/span><\/p>\n

                                               <\/span><\/p>\n

                                             Espetáculo<\/strong><\/p>\n

   A vontade de homenagear os cantores que participaram de sua formação musical falou mais alto e o sertanejo embarcou com tudo na criação de \"Cabaré\". \"Sempre estávamos juntos na fazenda, em casa. Todos amigos pediam as músicas, fomos amadurecendo e nasceu o projeto\", diz o músico goiano. Lembra que Leandro era, assim como ele, um grande fã e entusiasta dos clássicos \"bregas\". \"Ele sabia tudo! Saudades do meu irmão!\", comenta.<\/span><\/p>\n

   Em entrevistas passadas, Eduardo Costa brinca que Leonardo fez uma pesquisa de campo em cabarés para se \"atualizar\" sobre o que estava sendo tocado. Questionado sobre o assunto, o cantor não esconde aquele 1% vagabundo. \"Cabaré é comigo mesmo!\", diz, rindo. O que ele encontrou nas suas andanças nessas casas de entretenimento? \"Muita diversão e dor de corno em forma de música\", fala sem hesitar.<\/span><\/p>\n

                                          Descontração<\/span><\/strong><\/p>\n

     O bom humor aflorado de Leonardo também marca o espetáculo musical. Entre uma canção e outra, os dois parceiros trocam provocações e piadas, fazendo do intervalo uma verdadeira comédia. O cantor garante que nada é combinado. \"Não ensaiamos. Esses momentos são naturais de dois bestas\", brinca<\/span><\/p>\n

  <\/span><\/p>\n

     Apesar de todo lado sensual que marca o conceito do espetáculo, Emirval Eterno Costa, nome de batismo do cantor sertanejo, garante que o espetáculo é, sim, voltado para o público romântico, não para os boêmios de plantão. \"Queríamos colocar as sertanejas que tocavam nos cabarés. Trazer as músicas para este lugar com cara de 'Moulin Rouge', roupas a caráter, e principalmente com cara de 'modão' romântico, música sertaneja\", explica.<\/span><\/p>\n

          <\/span><\/p>\n

       Para mais informações:<\/span><\/p>\n

       Sábado (16\/01), no Siará Hall (Av. Washington Soares, 3199, Edson Queiroz). Abertura dos portões às 21h. Ingressos variam entre R$82 e R$302. Contato: (85) 3033.1040.<\/span><\/p>\n

 http:\/\/siarahall.com.br\/<\/a><\/p>\n


<\/span><\/p>\n

Fonte: http:\/\/diariodonordeste.verdesmares.com.br\/cadernos\/zoeira\/festa-no-cabare-1.1472992<\/span><\/p>\n


<\/span><\/span><\/p>\n

\"cabare\"<\/span><\/span><\/p> <\/div>\n\n \n